Uma página para o ano terminar

Por Érico Assis

O ano foi morno. Sinceramente. Digo em relação às leituras. As minhas, não sei se as suas também. Foram?

Mas é sério. Não li nenhum quadrinho arrebatador, transformador, deslumbrante, pelo menos não o bastante para ter guardado na memória. Reli muitos. Traduzi vários que já havia lido, e a releitura como tradutor é uma releitura privilegiada, mas ainda é releitura. Dos novos, um e outro são muito bons, mas eu esperava, sei lá, um Manuele Fior para salvar a minha vida (e aquelas promessas do fim de 2011 são só para rir, né?). Não apareceu.

Mas aí chega o Rafael Coutinho, com seu Beijo Adolescente II, e essa página que salva tudo. Uma história em uma página arrebatadora para salvar o fim de ano. Quem sabe até salvar o mundo. Bom fim de ano ― ou de fim de mundo ― a todos.

* * * * *

Érico Assis é jornalista, professor universitário e tradutor. Do selo Quadrinhos na Cia., ele já traduziu RetalhosHabibi, de Craig Thompson, Umbigo sem fundo, de Dash Shaw, e os três volumes de Scott Pilgrim contra o mundo, de Bryan Lee O’Malley, entre outros. Ele contribui quinzenalmente para o blog com textos sobre histórias em quadrinhos.
Site – Twitter

7 Comentários

  1. Uma página cheia de coisas pequenas. Linda.

  2. Lucas disse:

    Esse ano foi lançado o “Building Stories” do Chris Ware. Apontado em vários site como um dos melhores livros (não só quadrinhos, livros em geral) do ano. Gostaria muito que vocês lançassem, depois do ótimo trabalho que vocês já fizeram com “jimmy Corrigan”, seria um grande feito para o ano de 2013, não?!

  3. Tales disse:

    Sou obrigado a concordar com o Cyro. Não consigo compreender o motivo desse rapaz ser tão incensado. Talvez por ser filho do Laerte?

  4. Cyro disse:

    Rafael Coutinho não é um bom artista. Isso só piora o ano, Érico.

  5. Ryot disse:

    bom, meu ano foi pra Portugal, Dear Patagonia do Jorge Gonzalez e o Wrong Place do Bretch Evens. nenhum saiu aqui, e sao de anos mais passsados. entao nao vale ne?

  6. Marco Severo disse:

    Acho que o Erico está passando por alguma crise da vida adulta, só pode. Mas enfim, gosto é gosto.

  7. Tuca disse:

    Valeu por Habibi. Acho que foi isso.
    *
    E pela impressão do terceiro volume de Promessas, do Pedro Franz.
    *
    Também gostei bastante de A máquina de Goldberg. Mas, realmente, foi um ano morno.
    *
    Que 2013 seja ótimo. Abraço!

Deixe seu comentário...





*