Ollie, yeah!

Por Júlia Moritz Schwarcz

Confesso que me espantei quando a minha filha me pediu um skate pela primeira vez. Quando eu tinha a idade dela, deslizava em cima da bicicleta, dos patins inline (quem lembra da Bad Wolf?) e do patinete, sendo o “motorizado” o grande sonho de consumo.

Mas, enfim, depois de um ano de pedidos insistentes da Zizi, acabei cedendo e descobri o mundo das rampas. E, caramba, como tem gente andando de skate! — e sem nenhum livro sobre o assunto para ler, diga-se de passagem.

Mas isso não é mais um problema, porque acabamos de lançar o Manual do Pequeno Skatista Cidadão, que conta a história e a filosofia do skate; apresenta as dez modalidades; explica as gírias e expressões praticadas pelos iniciados; relembra quais os principais equipamentos de segurança; entre otras cositas más.

O livro nasceu a partir de uma música do segundo CD da banda Pequeno Cidadão, chamada “SK8” (o videoclipe está aí embaixo), e da criação da super Taciana Barros, do nosso autor skatista Vinícius Patrial e do Jimmy Leroy, que ilustrou o livro com todo o capricho e teve um trabalho danado estudando as manobras e posturas todas a fundo.

O livro ficou demais e, para comemorar, sábado teremos o lançamento com um pocket show do Pequeno Cidadão, no Teatro Eva Herz do Conjunto Nacional, às 11h. Vai ter até participação especial do Rene Shigueto, tetra campeão brasileiro e vice campeão mundial de free style. Estão todos convidados!

* * * * *

Lançamento do livro SK8 – Manual do pequeno skatista cidadão
Sábado, 31 de agosto, às 11h
Pocket-show do Pequeno Cidadão* seguido de sessão de autógrafos. Participação especial do skatista Rene Shigueto, tetra campeão brasileiro e vice campeão mundial de free style.
* As senhas serão distribuídas 1 hora antes do show na entrada do teatro. Sujeito à lotação.
Local: Livraria Cultura – Teatro Eva Herz – Av. Paulista, 2073 – Conjunto Nacional – São Paulo, SP

* * * * *

Júlia Moritz Schwarcz é editora dos selos Companhia das Letrinhas e Seguinte.

4 Comentários

  1. Rubens disse:

    Entrevista com o autor, bem legal o livro!

    http://youtu.be/1L8BmdaBwiM

  2. rogerio disse:

    Julia, voltou. Que bom.
    A última vez que tive notícias suas (aqui no Blog), tinha viajado a Porto Alegre e ficou gripada e febril.
    Escreva-nos.

  3. Socorro Acioli disse:

    Bom saber que a Julia voltou a escrever no blog! : )

  4. Daniel Abreu disse:

    Legal mesmo. Mas eu nunca aprendi a andar de skate. Quando tentei, acabei piorando um braço que já estava engessado…
    De todo modo, tenho simpatia por esse tipo de “cultura tribal”, skatistas, rappers, etc. Geralmente, há mesmo filosofia na base.
    Parabéns (e que sua filha se divirta sem percalços).

Deixe seu comentário...





*