Anunciados os finalistas do Prêmio Jabuti 2016

jabuti

Na noite desta sexta-feira, dia 21 de outubro, a Câmara Brasileira do Livro anunciou os finalistas do Prêmio Jabuti de 2016. Conheça as obras do Grupo Companhia das Letras indicadas nas categorias romance, conto e crônica, poesia, tradução, capa, ilustração, adaptação, livro infantil, ciências humanas, comunicação, economia, gastronomia, reportagem e documentário, teoria e crítica literária.

Adaptação

— Dois irmãos, de Fábio Moon e Gabriel Bá (Quadrinhos na Cia.)

Capa

— Alceu Chiesorin Nunes pela capa de O gigante enterradode Kazuo Ishiguro (Companhia das Letras)

Ciências humanas

— A capital da vertigemde Roberto Pompeu de Toledo (Editora Objetiva)

— Brasil: uma biografiade Heloisa M. Starling e Lilia Moritz Schwarcz (Companhia das Letras)

— Flores, votos e balas, de Angela Alonso (Companhia das Letras)

Comunicação

— O estado de Narciso, de Eugênio Bucci (Companhia das Letras)

Contos e crônicas

— As mentiras que as mulheres contam, de Luis Fernando Verissimo (Editora Objetiva)

— Jeito de matar lagartas, de Antonio Carlos Viana (Companhia das Letras)

— Rio de Janeiro, de Luiz Eduardo Soares (Companhia das Letras)

Economia, administração, negócios, turismo, hotelaria e lazer

— Devagar e simplesde André Lara Resende (Companhia das Letras)

Gastronomia

— O frango ensopado da minha mãede Nina Horta (Companhia das Letras)

Ilustração

— Dois irmãos, de Fábio Moon e Gabriel Bá (Quadrinhos na Cia.)

— Todo Bob Cuspe, de Angeli (Quadrinhos na Cia.)

Infantil

Inês, de Roger Mello (Companhia das Letrinhas)

— Malala, a menina que queria ir para a escola, de Adriana Carranca (Companhia das Letrinhas)

Poesia

— Agora aqui ninguém precisa de si, de Arnaldo Antunes (Companhia das Letras)

Reportagem e documentário

— A noite do meu bem, de Ruy Castro (Companhia das Letras)

— Bateau Mouche, de Ivan Sant’Anna (Editora Objetiva)

— Política, propina e futebol, de Jamil Chade (Editora Objetiva)

Romance

A resistência, de Julián Fuks (Companhia das Letras)

— Ainda estou aqui, de Marcelo Rubens Paiva (Alfaguara)

— O Grifo de Abdera, de Lourenço Mutarelli (Companhia das Letras)

Teoria/Crítica literária, dicionários e gramáticas

— Cenário com retratos, de Antonio Arnoni Prado (Companhia das Letras)

Tradução

— Guilherme da Silva Braga pela tradução de A ilha da infância, de Karl Ove Knausgård (Companhia das Letras)

— Lawrence Flores Pereira pela tradução de Hamletde William Shakespeare (Penguin-Companhia)

— Paulo Geiger pela tradução de O livro da gramática interiorde David Grossman (Companhia das Letras)

 

Confira a lista com todos os indicados. Os vencedores de cada categoria serão anunciados no dia 11 de novembro.

Deixe seu comentário...





*